TROCANDO IDEIAS

MULHERES SUPERPODEROSAS

MULHERES SUPERPODEROSAS!

                Nos últimos tempos ouvimos uma expressão que tem se tornado comum em muitos meios, o “empoderamento”, em especial, o “empoderamento feminino”. Várias coisas me passam pela cabeça quando penso nessa expressão, e boa parte delas tem a ver com a forma como a mídia tem tratadoesse assunto. Se “empoderamento” significa permitir que uma pessoa, ou uma classe de pessoas, desenvolva todo o seu potencial, capacidades e habilidades, sem que se iniba, ou se tolha isso de alguma forma, para que haja justiça e equidade entre os diversos grupos sociais, podemos até concordar com o significado dessa expressão. Mas, em muitas ocasiões, o que se dá a entender sobre esse assunto é a insinuação de que uma determinada classe de pessoas possa ser superior às outras, e que ela precisa se “empoderar” para se impor sobre as demais e consertar as coisas. Assim, um determinado partido político insinua que se tivermos mais mulheres na política, então, sim, as coisas vão melhorar e não teremos mais problemas. Concordo que a participação feminina na política deva ser, ou possa ser bem maior, e que as mulheres têm muito a contribuir nessa função, mas atribuir a um grupo social, qualquer que seja ele, uma melhora, ética, moral e administrativa, por serem intrinsecamente superiores, é ignorar o que o ser humano é. Qualquer ser humano, independente da raça, cor, sexo, idade, religião ou classe social, é o que a Palavra de Deus nos diz,que em primeiro lugar todos somos pecadores e precisamos todos da mesma graça de Deus, da mesma vida e domesmo perdão. “Deus aceita as pessoas por meio da fé que elas têm em Jesus Cristo. É assim que ele trata todos os que creem, pois não existe nenhuma diferença entre as pessoas. Todos pecaram e estão afastados da presença gloriosa de Deus” (Rm 3.22,23). E em segundo lugar, a Palavra de Deus nos diz que: “Desse modo não existe diferença entre judeus e não judeus, entre escravos e pessoas livres, entre homens e mulheres: todos vocês são um só por estarem unidos com Cristo Jesus” (Gl 3.28). Então como podemos entender esse empoderamento? O que é isso para nós, filhos de Deus?

                Creio que fica óbvio que só podemos falar de um tipo de “empoderamento”, que é aquele que nos foi concedido pela fé no Salvador Jesus. Em primeiro lugar, fomos chamados por Deus para receber do próprio Espírito poder para crer, pois ele nos chama à fé e nos mantém nessa mesma fé pelo poder de sua Palavra. E em segundo lugar, recebemos poder para viver a nova vida, a vida cristã, para a qual Deus Espírito Santo nos anima, nos capacita e nos dinamiza. Esta é uma promessa de Deus: “Porém, quando o Espírito Santo descer sobre vocês, vocês receberão poder e serão minhas testemunhas em Jerusalém, e em toda a Judeia e Samaria e até nos lugares mais distantes da terra” (At 1.8). Esse mesmo Espírito concede dons a cada um conforme ele quer. “Porém é um só e o mesmo Espírito quem faz tudo isso. Ele dá um dom diferente para cada pessoa, conforme ele quer” (1Co 12.11).

                Estimadas irmãs em Cristo, que Deus conceda a cada uma de vocês rica medida do seu Espírito Santo, que cada uma seja “empoderada” por Deus no fortalecimento de sua fé e na concessão de dons para que possam viver a sua vida plenamente. Que Deus Espírito Santo capacite cada uma de vocês para que possam viver a sua vocação de esposas, mães, profissionais, cidadãs e servas no local e onde vocês foram colocadas por Deus; então, sim, vocês serão mulheres “superpoderosas”, não por uma força intrínseca ou superioridade natural sobre os outros, mas porque todo o poder e toda a força vêm de Deus, e nós somos seus instrumentos, servos e servas de sua vontade.

Pastor Rubens José Ogg

Conselheiro Nacional da LSLB


COMPARTILHE:



Copyright © 2018. Todos os direitos reservados a LSLB
Desenvolvido por WobaDesign

Área de acesso  restrita!